Este site usa cookies para melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar a usar este site, você concorda com o uso de cookies no seu dispositivo conforme descrito em nossas Políticas de Uso de Cookies.
  • 34373342

Conheça Búzios

34373399
Búzios, aldeia cosmopolita,
antigo refúgio de piratas, lugar de natureza exuberante.
Aqui os sonhos ficam próximo do real.
Praias de águas claras, céu azul e florestas nativas.
Litoral de beleza sem igual.
Em Búzios, o Criador se mostra em forma de inspiração.
Sorrisos bonitos de gente bonita que passa por aqui.
Noites agitadas, manhãs preguiçosas e muito charme.

34373403

Aniversário de Búzios: 12 de novembro.

Fundação: 12 de novembro de 1995.

Quem nasce em Búzios é buziano.

Área: 69,287 km² Z População: 28.653 hab. est. IBGE/2009 | Densidade: 344,6 hab./km² | Altitude: 5 m| Clima: tropical | Fuso horário: UTC-3

Armação dos Búzios ou apenas Búzios, como é mundialmente conhecido, é um município do estado do Rio de Janeiro localizado na Região dos Lagos. Faz divisa a oeste com Cabo Frio, município do qual tornou-se autônomo em 1995. Localiza-se a cerca de 165 quilômetros da capital do estado.
É uma península com oito quilômetros de extensão e 23 praias, recebendo de um lado correntes marítimas do Equador e do outro correntes marítimas do pólo sul, o que faz com que tenha praias tanto de águas mornas quanto de águas geladas. Entre as principais praias, destacam-se  João Fernandes, Ferradura, Ferradurinha, Armação, Manguinhos, Geribá, Tartaruga, Ossos, Tucuns, Brava e Olho-de-Boi, esta última reservada para a prática do nudismo.
A exploração turística e a ocupação imobiliária do local tiveram início após a fama internacional dada a Búzios pela atriz francesa Brigitte Bardot que a visitou em 1964. Hoje, a cidade é visitada por turistas do mundo inteiro. 

34373441

"Eu tenho uma espécie de dever, de dever de sonhar
de sonhar sempre,
pois sendo mais do que uma espectadora de mim mesma,
Eu tenho que ter o melhor espetáculo que posso,
E assim me construo a ouro e sedas,
em salas supostas, invento palco, cenário para viver o meu sonho entre
luzes brandas
e músicas invisíveis."

Do livro do "Desassossego"
Fernando Pessoa